Um mundo melhor começa agora

    This is Section Content. You can add HTML markup also.

    PEDAL NOTURNO DE UBERLÂNDIA É AMPLIADO PARA DUAS REGIÕES

    O projeto Pedal Noturno foi ampliado para mais duas regiões de Uberlândia. Agora os ciclistas da região leste e oeste da cidade também contam com a atividade uma vez por semana. Com isso, o projeto que acontecia somente na quarta-feira, também passou a ser realizado na terça-feira (região oeste) e na quinta-feira (região leste).

    Os ciclistas deixam o conforto de suas casas e se reúnem à noite para pedalar e conhecer os principais pontos de Uberlândia. O Pedal Noturno, como é conhecida a atividade, faz parte do Projeto Pedal Sustentável que incentiva o uso das bikes para o transporte individual e como forma de conhecer pontos turísticos de Uberlândia.60ºpedalnoturno 07037

    A concentração acontece todos os dias às 19h com saída às 19h30. Na terça-feira a saída acontece da sede da 9ª Região Integrada de Segurança Pública (RISP), na avenida dos Eucaliptos (em frente a antiga Granja), no bairro Luizote. Na quarta-feira permanece a saída da Praça Clarimundo Carneiro. E na quinta-feira a atividade sai da ciclovia da avenida Rondon Pacheco, em baixo do viaduto da Avenida João Naves de Ávila.

    O Pedal Noturno é organizado pela Prefeitura de Uberlândia, através do Núcleo de Planejamento de Transporte da Secretaria de Trânsito e Transportes (Settran). O passeio é acompanhado por agentes de trânsito que proporcionam um evento seguro a toda a família. Devido a participação de crianças, pessoas de terceira idade e ciclistas iniciantes o percurso gira em torno de 15 km sem muitas declividades.

    O Pedal Noturno ainda contribui para estabelecer uma relação pacífica entre motoristas e ciclistas. Outro ponto importante do projeto é o incentivo ao uso da bicicleta na rotina das pessoas, como ir ao trabalho e à escola, contribuindo assim com um ambiente mais saudável e sem poluição. A cada semana é feito um novo roteiro, priorizando as vias de mais movimento e que sejam tranquilas para pedalar. Estão no roteiro, praças e monumentos históricos.

    “A ideia é inserir o ciclista no espaço urbano e fazer com que ele perca o medo de pedalar na cidade. Algumas pessoas que não tinham já estão comprando uma bicicleta. Outro fator importante do projeto é que os motoristas vejam os ciclistas e se conscientizem sobre a presença deles nas vias”, disse o coordenador do projeto, Frank Barroso.

    © 2017 Your Company. All Rights Reserved. Designed By Enginetemplates.com
    Free Joomla! templates by Engine Templates